Pesquisar

Nova Edição

Distribuição Gratuita
ISSN :2764-5304

Áustria anuncia compra do C-390 Millennium da Embraer

LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Facebook

Áustria tornou-se a mais recente nação europeia a adotar a aeronave de transporte C-390 da Embraer para suas futuras necessidades de transporte aéreo.

Embora não tenha ocorrido um chamado formal para licitação, a aeronave de fabricação brasileira foi selecionada para substituir os C-130K Hercules que foram originalmente adquiridos em segunda mão da Royal Air Force do Reino Unido.

Autoridades austríacas afirmaram que o C-390 foi a única aeronave na classe de carga de 20 toneladas métricas que atendeu aos requisitos, incluindo a capacidade de transportar um veículo blindado Pandur com sua estação de armas instalada.

Ao anunciar a decisão em 20 de setembro, a Ministra da Defesa austríaca, Klaudia Tanner, afirmou que a escolha foi um “grande passo em direção a um exército moderno e, portanto, mais segurança para a população austríaca”.

Divulgação: Força Aérea Brasileira

A intenção inicial é adquirir três aeronaves com a opção de comprar uma aeronave adicional. Áustria também está buscando cooperação com os Países Baixos, que também escolheram o C-390 como substituto do C-130 para fortalecer as operações militares locais, sendo que a operação de uma aeronave em comum é fundamental para interoperabilidade entre as nações.

Os contratos devem ser finalizados em 2024, e as autoridades austríacas esperam as entregas por volta de 2026 ou 2027. Áustria prevê pagar entre €130 milhões (US$139 milhões) e €150 milhões por aeronave.

Nesta decisão eleva para quatro o número de nações europeias que encomendaram a aeronave. Áustria se junta a Hungria, Portugal e aos mencionados Países Baixos.

Em um comunicado publicado em seu site, a Embraer afirmou estar honrada por ser escolhida pela Áustria e pronta para apoiar o Ministério da Defesa e a Força Aérea do país em atender “os rigorosos requisitos de seu processo de aquisição”.

A Embraer demonstrou, no entanto, que o C-390 desfruta de alta disponibilidade para a Força Aérea Brasileira, com índices de disponibilidade e confiabilidade de despacho mais semelhantes aos observados na aviação comercial.

O crescente sucesso da Embraer na Europa pode começar a suscitar questões sobre a viabilidade dos planos europeus para uma nova aeronave média de transporte na classe de carga de 20 toneladas, proposta através do projeto Permanent Structured Cooperation (PESCO) de Carga Tática Média de Futuro (FMTC), liderado pela França e apoiado pela Alemanha, Espanha e Suécia.

A Airbus lidera um consórcio de parceiros da indústria financiado pelo Fundo de Defesa Europeu de €90 milhões para o estudo Sistema Aéreo Futuro para Transporte Tático Europeu (FASETT) para analisar opções para tal plataforma.

Tome Nota:

Esta é uma excelente oportunidade para indústria brasileira que ganha mais um cliente em um mercado competitivo e estratégico para os blocos econômicos como a União Europeia. A Força Aérea Brasileira vem demonstrando as capacidades do KC-390 em diversas missões no Brasil e no Exterior. Esta imagem fortalece a qualidade dos produtos aeronáuticos brasileiros e atrai o interesse de outros países.

Comentários

EM ALTA

Nesta semana, a Azul Conecta promoveu um evento de lançamento da Nova Pintura “Pantanal Azul” em alusão ao Centro-Oeste brasileiro. As novas cores do Cessna 208B Grand Caravan matriculado pelo código PT-MEO que foi apresentado no Hangar da Azul Conecta em Jundiaí.

Leia Mais
ASAS ROTATIVAS
plugins premium WordPress