Pesquisar

Nova Edição

Distribuição Gratuita
ISSN :2764-5304

Azul Linhas Aéreas apoia o programa APU Zero

LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Facebook

O ano de 2023 destacou-se pelas iniciativas da Azul Linhas Aéreas em prol de políticas de sustentabilidade, concentrando esforços em uma operação de solo mais limpa em emissões de CO₂. O Programa de Eficiência de Combustível (PEC) da companhia, ganhou destaque pelo sucesso do APU Zero, que completa dois anos em 2024, sendo um exemplo concreto do comprometimento da empresa com práticas ambientalmente responsáveis.

Em parceria com a Azul Linhas Aéreas, 18 bases da companhia em todo o Brasil, adotam atualmente medidas para minimizar o uso do Auxiliary Power Unit (APU) durante o embarque e desembarque dos voos. Essas iniciativas, implementadas ao longo do ano, resultaram em uma redução notável de mais de 70% no consumo de querosene das aeronaves enquanto em solo.

O APU, uma Unidade Auxiliar de Energia, desempenha o papel de manter os sistemas da aeronave operacionais quando em solo. Com o Programa APU Zero, ao pousar, os voos da Azul passam a ser alimentados imediatamente por fontes externas de energia elétrica e ar-condicionado. Essa prática proporciona conforto aos passageiros durante o embarque e desembarque, sem a necessidade de acionar o APU, resultando em significativa economia de combustível.

A adesão inicial ao APU Zero ocorreu em abril de 2022, no Aeroporto de Viracopos (VCP), em Campinas (SP). Atualmente, 18 bases em todo o país, incluindo aeroportos estratégicos como Guarulhos, Congonhas, Brasília e Salvador, fazem parte do programa. O compromisso da Azul com a ecoeficiência gerou uma economia expressiva de quase 36 milhões de quilogramas de combustível, equivalente a mais de 18 mil viagens aéreas Rio-São Paulo, e evitou a emissão de 110 mil toneladas de CO2 desde o início do programa.

Conclusão:
Daniel Tkacz, Vice-Presidente de Operações da Azul, destaca que os resultados positivos do APU Zero impulsionam o interesse de novos aeroportos em aderir ao programa. Com quase mil voos diários da companhia, a expectativa para 2024 é estender essa prática ecoeficiente a mais aeroportos, de todos os tamanhos e regiões do país. A Azul reafirma seu compromisso com a inovação sustentável, visando um futuro mais limpo e eficiente para a aviação brasileira.

Comentários

EM ALTA

Nesta semana, a Azul Conecta promoveu um evento de lançamento da Nova Pintura “Pantanal Azul” em alusão ao Centro-Oeste brasileiro. As novas cores do Cessna 208B Grand Caravan matriculado pelo código PT-MEO que foi apresentado no Hangar da Azul Conecta em Jundiaí.

Leia Mais
ASAS ROTATIVAS
plugins premium WordPress