Pesquisar

Nova Edição

Distribuição Gratuita
ISSN :2764-5304

Resgate espetacular: Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro salva mulher na Pedra do Telégrafo

LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Facebook

O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro (CBMERJ) realizou um resgate de alto grau de complexidade na Pedra do Telégrafo, no Rio de Janeiro. Uma mulher com fratura na perna foi resgatada com sucesso, graças à operação habilidosa dos pilotos e tripulantes operacionais a bordo do helicóptero H125.

Foto: Bruno Anjos

No coração da cidade maravilhosa, um cenário dramático se desenrolou na Pedra do Telégrafo, quando uma mulher sofreu uma fratura na perna em terreno de difícil acesso. O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro (CBMERJ) por intermédio do Grupamento de Operações Aéreas, conhecido por sua bravura e eficiência, entraram em ação para resgatar a vítima. O desafio era imenso: estabilizar o helicóptero parecia impossível devido ao terreno irregular. Mas os bombeiros não desistiram.

Fonte: Helibras

Os pilotos do helicóptero Airbus H125, também conhecido como Esquilo, enfrentaram a tarefa de superar a irregularidade do terreno, rajadas de vento para manter a aeronave estável para que os operadores aerotáticos pudessem embarcar a vitima na aeronave com segurança. A precisão e treinamento técnico demonstradas foram fundamentais para o sucesso da missão.

A Pedra do Telégrafo fica localizada no Parque Estadual da Pedra Branca, na Barra de Guaratiba, no Rio de Janeiro. O local conta com cerca de 354 metros de altura. Quem já teve a oportunidade de subir na Pedra do Telégrafo tem ciência dos fortes ventos que podem ocorrer na região, logo podemos imaginar o quão complexo foi a missão que estes militares desempenharam.

Foto: Bruno Anjos

O helicóptero.

O H125 é uma aeronave reconhecida mundialmente pela capacidade em atuar em missões de resgate. Possui grande reserva de potência em altas alturas, apesar de ser equipado com apenas um motor. Este helicóptero possui um histórico impressionante de 40 milhões de horas de voo e 7.240 aeronaves em operação globalmente. No Brasil é o mais usado entre as Forças Armadas e Forças de Segurança Pública. A possibilidade de contar com uma subsidiária brasileira, a Helibras, faz toda a diferença para manter o projeto voando no Brasil.

Em situações como esta percebemos que os helicópteros desempenham um papel vital em situações de emergência. Além de resgates em áreas de difícil acesso, essas máquinas são essenciais para operações de busca e salvamento, combate a incêndios florestais e transporte médico de emergência. Nas mãos das instituições de Segurança Pública se tornam poderosas ferramentas para Salvar Vidas.

Foto: Bruno Anjos

Editorial
A operação de resgate realizada pelo Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro é um exemplo inspirador do compromisso desses profissionais com a segurança da população. O trabalho em equipe, a perícia técnica e a coragem são fundamentais para enfrentar desafios como o resgate na Pedra do Telégrafo. Ao Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro (CBMERJ), vida longa aos verdadeiros heróis do céu, prontos para enfrentar qualquer desafio em prol da segurança e bem-estar da população carioca.

Conheça mais sobre o trabalho do Grupamento de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro na Edição 2 da Revista Vertical Plus

@revistaverticalplus

Comentários

EM ALTA

Nesta semana, a Azul Conecta promoveu um evento de lançamento da Nova Pintura “Pantanal Azul” em alusão ao Centro-Oeste brasileiro. As novas cores do Cessna 208B Grand Caravan matriculado pelo código PT-MEO que foi apresentado no Hangar da Azul Conecta em Jundiaí.

Leia Mais
ASAS ROTATIVAS
plugins premium WordPress