Pesquisar

Nova Edição

Distribuição Gratuita
ISSN :2764-5304

Diário de bordo digital na aviação: o caminho da inovação

LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Facebook

Nos últimos anos, a indústria da aviação tem experimentado uma revolução tecnológica que tem impactado vários aspectos das operações de aeronaves, incluindo a gestão e registro de informações essenciais. Voar vai além do simples ato de decolar ou pousar uma aeronave; muitos processos intrínsecos ao voo demandam documentação precisa, levando em consideração o controle de horas e ciclos da aeronave, bem como a estrita conformidade com as legislações vigentes. A tecnologia aplicada a maneira como as informações são gerenciadas e registradas podem promover eficiência e assertividade dos dados, além de diminuir a carga de trabalho dos pilotos na escrituração manual.

Imagem DCStudio

Nesse cenário, destaca-se o Diário de Bordo Digital, uma aplicação que está promovendo uma significativa transformação na maneira como as Escolas de Aviação, Taxi aéreos, aviação geral, companhias aéreas e pilotos lidam com a coleta, armazenamento e acesso a dados críticos relacionados às operações de voo. Além da forma como os órgãos reguladores, ANAC, realizam as inspeções e verificações das aeronaves nos aeródromos.

A Plane it, maior empresa do segmento que sozinha é responsável pela migração de mais de 120 aeronaves para o mundo digital. Essa crescente adesão ressalta a eficácia dessa tecnologia e seu impacto positivo nas operações aéreas. O Diário de Bordo Digital não apenas simplifica a documentação de informações de voo, mas também oferece uma capacidade significativamente maior de análise de dados, tornando as operações aéreas mais seguras e eficientes.

Fonte: Planet It

Uma Solução de Tecnologia Aplicada a Aviação.

O Diário de Bordo Digital é uma plataforma eletrônica que possibilita que pilotos, operadores e administradores de aeronaves coletem, compartilhem e armazenem uma diversidade de dados fundamentais, proporcionando maior eficiência e precisão na gestão aeronáutica. Os tipos de informações que podem ser registrados incluem as horas de voo, os ciclos tanto da aeronave em si (a “célula”) quanto dos motores NG/NTL (helicópteros) e detalhes específicos sobre equipamentos especiais, com campos customizáveis, caso haja necessidade. Adicionalmente, o aplicativo permite o registro de informações referentes a revisões, fornecendo uma visão detalhada e em tempo real do estado da aeronave.

Os cálculos automatizados e capacidade editar os dados do voo, sem ter que reescrever todos os voos subsequentes ao erro, previne que o operador seja multado por pequenos equívocos. Ao disponibilizar uma plataforma eletrônica para a manutenção de registros precisos e atualizados, o aplicativo facilita o controle minucioso do estado da aeronave, assegurando a conformidade com as regulamentações e aprimorando a segurança das operações.

No que se refere ao acesso aos dados e conforme a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) estabeleceu diretrizes rigorosas para proteger informações sensíveis. Essa legislação define normas estritas para o tratamento de informações pessoais, obrigando as empresas que oferecem esse serviço a cumprir tais regulamentos ao coletar, armazenar e compartilhar dados em formato digital.

A ANAC somente tem acesso aos dados que são fornecidos voluntariamente pelo piloto durante inspeções regulatórias, respeitando, assim, a privacidade e a confidencialidade das informações. Além disso, medidas de segurança são implementadas, incluindo a realização de backups diários, a fim de preservar a integridade dos dados.

Foto: Matheus Bertelli

Em resumo, o diário de bordo digital representa uma inovação permanente para aviação, modernizando como as informações de voo são registradas e gerenciadas. O diário de bordo digital está se tornando cada vez mais comum na aviação brasileira, promovendo eficiência e segurança nas operações aéreas, ao mesmo tempo que evita erros e multas.

Uma Ferramenta Multiplataforma

Além do diário de bordo digital eDB, a Plane it conta com mais dois produtos espetaculares em sua plataforma, o CTM, também digital e o Market Plane. CTM (Controle Técnico de Manutenção) é a parte onde ficam todos os registros de manutenções executadas, AD, SB, modificações, trocas de componentes, dentre outros. Ao contratar a ferramenta de CTM, o operador fica responsável por “alimentar” o sistema com dados, assim como o eDB. Quando os dois são utilizados em conjunto, logo na tela inicial do aplicativo é possível acompanhar a situação completa da aeronave, não só consumo, horas voadas, horas disponíveis, mas também qual é a próxima revisão.

Já o Market Plane é responsável pela cotação rápida de peças e produtos aeronáuticos. Os quais os usuários das duas primeiras ferramentas, têm acesso sem custos adicionais. No caso de clientes que utilizam as três soluções em conjunto, integradas, quando a plataforma detecta que uma manutenção está se aproximando, automaticamente ela “dispara” um pedido de cotação de peças, já cadastradas como necessárias para a manutenção. É enviado um e-mail para o cliente, com a melhor condição, antes do vencimento da revisão, dando tempo hábil para a compra e chegada das peças e materiais, assim agilizando o tempo de parada da aeronave para a manutenção.

Para saber mais acesse:

https://www.planeit.com.br/

Comentários

EM ALTA

Nesta semana, a Azul Conecta promoveu um evento de lançamento da Nova Pintura “Pantanal Azul” em alusão ao Centro-Oeste brasileiro. As novas cores do Cessna 208B Grand Caravan matriculado pelo código PT-MEO que foi apresentado no Hangar da Azul Conecta em Jundiaí.

Leia Mais
ASAS ROTATIVAS
plugins premium WordPress